sábado, 20 de dezembro de 2008

PARA A MINHA AMIGA SECRETA ANA KAYA




Para Ana Kaya


Feliz Natal... Tudo de bom... Muita paz, felicidade, muita saúde...

Um grande abraço!
Que Deus continue te abençoando sempre :)

Kurisumasu Omedeto (Feliz Natal)

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

PARA O MINHA AMIGA SECRETA DORITA




Parte de mim se oculta
Nas dobras do tempo
Perdida em trevas
Contida na escuridão
Plena de incertezas
Vazia de contingência
Abandonada pela alegria
Abraçada pela solidão.



Esta parte sombria
Entristece-se com sua sorte
Lamenta a deriva do destino
Deixa-se abater pela dor
Comporta todo sofrimento
Que habita o âmago humano
Sem conceber a paz
Sem sentir o ósculo da morte.




Também ela concerne um fim
Infinito enquanto distante
Por se apenas uma sombra
Lancinante grito de lamento
Que jamais abandona o peito
Sufocando a única esperança
De poder ser livre... viver...
De sentir-se sopro afável
De não mais apenas sofrer...




Que esta parte jamais se mostre
Mantendo-se oculta no vácuo
Assim jamais serei um peso
Poderei permanecer inabalável
Ser o anjo que afugenta o desespero
Ser o abrigo que recebe o viandante
Ser o leito sereno que acolhe
A nau humana em seu percurso infindável...


.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

PARA O MEU AMIGO SECRETO GLAUBER VIEIRA




PAISAGEM


Olho a paisagem antiga
com olhos da cor de ontem.
Só vejo o ar avesso
e o horizonte insepulto.
O mar grisalho navega as mesmas ondas
com a paciência das vestes
que não têm fronteiras,
nem data para florescer.
Insatisfeita, pergunto-me:
onde buscar uma borboleta,
uma gota de orvalho,
com laivos inusitados?
Exploro arredores,
corredores sem portas,
janelas sem horizonte,
leio livros de Sartre, Drummond e Clarice,
procurando o acervo de ternura
submerso em meu olhar,
mas nada...
Hei que cultivar terras mais férteis
e limar as minhas ferramentas.


.
.
Basilina Pereira

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

PARA MEU AMIGO SECRETO GLAUBER VIEIRA





TOQUEI O CÉU




Queria tanto, desde criança, tocar o céu...
Ah, mas toquei o céu agora
ao te encontrar, amor meu,
nesta praia, sob este luar, aqui na areia do mar,
contando estrelas no firmamento, a sonhar.
Meu sonho de criança, pensado impossível de realizar,
como mágica, aconteceu.
Você existe!É o céu pra mim!
Não foi só um sonho infantil meu.
Estou feito brasa! Abrace-me,
encoste sua respiração quente sobre a minha, emudeça-me a voz.
Quero você em desalinho sobre mim:
Sentidos acelerados, mãos que se buscam,
seu corpo desassossegado sempre querendo mais de mim.
Vê minha boca seca e árida?
Sacia meu deserto escaldante,
são dias e noites de solidão à sua espera,
dedos desenhando seu rosto no ar,
esperando te encontrar em todo lugar.
Estamos juntos, grudados, amantes amados,
bêbados de amor, apaixonados!
Nem o céu, pra nós, é o limite definido.
Caminhamos, porque queremos, sem mistério, para o Infinito...
.
.
.
Poetisa das Marés, Sueli Amália

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

PARA MEU AMIGO SECRETO RAFA MALON





Rafinha....uma linda flor prá vc.
Bjs.

PARA MEU AMIGO SECRETO GLAUBER VIEIRA




Ao amanhecer
.
.
. Quando o dia amanhecer
E o céu se cobrir de azul
Com nuvens que dançam
Sobre as montanhas.



Quando os raios do sol
Tocarem o mar
Desenhando nas ondas
Um lindo lençol...



Ele estará te olhando
O tempo todo...
Esperando você abrir os olhos
E ao novo espetáculo
Agradecer...



Abra os olhos! Agradeça!
Deus Espera por você! .
.
. (Sirlei L. Passolongo)

PARA MINHA AMIGA SECRETA DORITA


O Mistério de Ser...





O mistério de ser
Nada mais que um sopro
Um acorde em formação
Ecoando na alma
Voando sobre o mundo
Viajante... errante... amante...



A magia de ser
Tão somente um sonho
Alegre ou tristonho
Um lampejo sem igual
Mormente a solidão
Indiferente ao vazio
Apenas um brilho
Apenas um canto
Apenas um lampejo...



O desejo de ser
Mais que um eco
Mais que um reflexo
Não apenas a sombra
Ou quem sabe um soluço
Mas o poder de ser
O decidir ser mais
O querer ser... mais... ser...



Ah, no âmago solitário
Um pranto em desatino
Correndo sobre a planície
Esparramando-se sobre a relva
Cativa flor da campina
Decorando um nada
Emprestando seu perfume
Ofertando sua vida
Sem receber o carinho
Sem perceber o orvalho
Sem ter quem a console
Sem saber que é especial...



E ainda assim há de ser
Uma jóia sem par
Uma brisa única
Que fará nascer o sol
Que trará a ventura
Convidando ao voar
Incitando ao viver
Livre... independente...
Tão somente um sinal
Entre tantos brancos
No azul da imensidão
No horizonte do coração...
.
.

PARA MINHA AMIGA SECRETA LENI MARTINS

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

PARA MEU AMIGO SECRETO DARKNESS


RESSUREIÇÃO


.

.



Pedra bruta que sou sem forma ou cor


Imaginando-se brilhante diamante


Decepções, sim eu me decepciono comigo


Até poucos anos vivi como errante





O futuro? Era tudo tão distante e irreal


Pensar, planejar, trabalhar, poupar, pensar


Nada importava, não havia ideal


O importante eram as festas, badalar





Hoje, bem mais velha me encontro


E agora, que sei o que quero,


Tudo é tão difícil, desencontro.


Os sonhos se foram, desengano.





Busco, em vão, um pouco de vida


Nos rostos frios na multidão


Que passa rápida, sem direção.


Nem reparam minha tensa emoção.





É difícil ter esta percepção da vida


Quando a maioria é tão cega


É difícil ter tantos sentimentos


Quando todos estão, por dentro, mortos.





Minhas palavras ferem o mundo


Crucificam-me, enfiam-me coroa de espinho


Apenas por refletirem a verdade nua


Apenas por refletirem a falta de carinho.





Saber que são corpos sem calor, nem beira.


Mostra-lhes o lado humano que não querem ver


Pois todos fogem da dor, a sua maneira


São flores em botão, que teimam em não florescer.





É chegada a época de pensar


O final destes tempos está prestes a chegar


A peneira de Deus não perdoará.


Novos tempos hão de vingar.





Onde a fauna e a flora serão respeitadas.


Onde o amor será mais forte que o poder


Onde as pessoas sejam todas amadas


Onde todos livres, possam crer e viver.




Em paz!!!!!

.

.



BEIJOS E TUDO DE BOM PRA VC MEU AMIGO

PARA MEU AMIGO SECRETO GATO FELIX

PARA MEU AMIGO SECRETO QUIMAS

PARA MEU AMIGO SECRETO GLAUBER VIEIRA




Essências de alegria


. Que hoje...
Os anjos desçam sobre sua vida
Te cubram de graças e alegrias
Iluminem eu sorriso
E faça tudo parecer magia...
Que o sol brilhe ainda mais belo
E entre as nuvens
Veja uma linda aquarela
Que as rosas
Pareçam ainda mais graciosas
E perfumem sua vida
De essências deliciosas
E a cada instante do seu dia
Um anjo lhe cuide
Por que és pessoa grandiosa.



(Sirlei L. Passolongo)

sábado, 13 de dezembro de 2008

PARA MEU AMIGO SECRETO GATO FELIX


PARA MEU AMIGO SECRETO CAIO MORAES


vai lá cara enche a pança, dps deita , olha pra lua e uiva que com uma sorvetão msm tem mais é que uivar......
Uma balinha é pco pro tamanho do meu carinho..
Isso e q é declaração...hein..? Mas n canta opereta no meu ouvido q naum sô gay... kkkk
C'est only l´'amour

PARA MEU AMIGO SECRETO GLAUBER VIEIRA

ANDARILHOS DAS ESTRELAS



(Victtoria Rossini)



.
Quem são esses seres

Com estrelas nos olhos

Sandálias de andarilhos

E corpos cobertos de sonhos?




.
Os vejo andando por ai

Criticando o sistema

Querendo mudar tudo

Tendo a vida como tema





.
Seus pés pisam o chão?

Será?

Acho que não!

Eles pisam os preconceitos

O estabelecido

Os conceitos...

Tem asas de cometas

E anéis no coração





.
Quando olham o mundo

É sempre com amor profundo

E buscando a transformação





.
Inconformados?

Ainda bem!

Seus questionamentos

Seus lamentos

Devem ser ouvidos pela multidão




.
São essas mentes que tem

Nos pés o movimento

Que pode acordar uma nação

.
.
.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

resposta ao Amigo Secreto de Ana Kaya





Realmente foi um belo presente com este filme que diz tudo, não precisa falar mais nada.
Este é o espírito do Natal que deveria estar em nossas vidas todos os dias e não uma só vez por ano.
Amigo ou amiga secreto eu adorei muito mesmo, chorei, confesso.
Mas as lágrimas lavam a alma pesada ou são gotas de amor tal qual os pingos de chuva rolando pela janela.
Obrigada mesmo.
Muitos beijos e muito carinho pra vc. Somos mesmo uma familia.

PARA MEU AMIGO SECRETO ANA KAYA






Se algum dia você ver um pingo de chuva


a rolar da janela escorrer


Saiba então que não há


nenhum pingo de chuva


igualzinho ao outro, pode crer...






Não há outro igual a você


nem um outro igual a você


Deus a ama assim como é você


Diante do nosso Deus


Você é muito especial


Deus a ama assim como é você






Olho o mundo ao redor


Deus conhece o seu nome


Ele sabe quem você é


Cada qual ele fez diferente um do outro


E pra Deus é como se houvesse só você



Deus a ama assim como é você






Música: Não há outro igual a você
Arautos do Rei



Valorize a vida, pois, você é especial para Deus!

PARA MEU AMIGO SECRETO THIERS


QUE O ROMANTISMO DO NATAL CONTAGIE SUA ALMA!!!

PARA MEU AMIGO SECRETO MARIA GORETE



MUITA SAÚDE E PAZ EM 2009!!!

PARA MEU AMIGO SECRETO SANDRA RIBEIRO


QUE O ESPÍRITO DE NATAL ACOMPANHE VOCÊ POR TODO O ANO QUE SE INICIA!!!!

PARA MEU AMIGO SECRETO SANDRA ALMA DE POETA


UM FELIZ NATAL E PRÓSPERO ANO NOVO A VOCÊ E TODOS OS SEUS FAMILIARES!!!

PARA MEU AMIGO SECRETO FRODÔ

PARA MEU AMIGO SECRETO DORITA




DORITA




Quando a noite chega


elevam-se as emoções


o coração declama poesias


a alma entoa canções


o espírito vibra em magia...





Sob a luz do luar


oculto pela escuridão


solitário a perambular


sentindo o frio noturno


desejando um encontro fortuito


que se possa apreciar...





Nas sombras da cidade


em ruas desertas e estranhas


correndo pelas artérias


mais que uma fuga... um desejo


de poder chegar a um fim


de poder sentir o carinho


que não se encontra no dia


que se perdeu no vazio


que se foi... sem ter vindo...






Então a prece ecoa no silêncio


evocando os anjos celestes


rogando a paz que aniquila


pedante andarilho sem lar


que preza sua liberdade


mas que almeja as correntes


que o atem à Vida


que o levem à eternidade...

.

.

.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

PARA MEU AMIGO SECRETO DARKNESS

PARA MEU AMIGO SECRETO QUIMAS





- Eu disse que nunca mais punha os pés na rua, nunca mais ia a festinhas, nunca mais entrava num bar, eu disse!

- É, você disse. Você sempre diz isso. No dia seguinte você sempre diz isso.

- Então? Então? Então você devia levar isso em conta. Quando eu disser "hoje vou sair", você diz "não vai", pronto. Basta isso, eu atendo, você sabe que eu atendo.

- Você nem ouve, quanto mais atender. Você entrou em casa cantando "Rio Babilônia", parou na porta, deu uns remelexos meio tipo Elvis Presley e gritou com o mesmo olhar com que às vezes fica na praia: "Mulher, vamos pra festa do Neville! Rio Babilôoooonia!"

- É, eu me lembro. Você foi sarcástica, muito sarcástica. Não é preciso ser tão sarcástica comigo e meus amigos.

- Eu, sarcástica? Eu só perguntei se você tinha certeza de que podia entrar mulher grávida.

- E então? Só porque era a festa do meu amigo Neville tinha de ser uma esbórnia, não foi isso que você quis insinuar?

- Absolutamente. Quem insinuou foi você, com aqueles seus... seus meneios aí na porta e com aquele olhar que não permitiriam na novela das oito.

- Eu não fiz olhar nenhum!

- Fez. E continuou a fazer praticamente a noite inteira. Mas acho que não tem importância, seus amigos já estão acostumados. Uma coisa de que ninguém pode lhe acusar é falta de coerência. Você faz invariavelmente as mesmas coisas.

- Eu beijei Ivan Chagas Freitas outra vez?

- Não, desta vez não, mas isto é um pormenor. E de mais a mais você chegou com ele, não acredito que o beijo se justificasse.

- Eu fui com ele? Claro, fui com ele. Lembro muito bem. Aliás, lembro muitíssimo bem, lembro de tudo. Chegamos juntos, o Ivan elegantíssimo, de smoking...

- Ivan não estava de smoking.

- Como não estava? Claro que estava, eu não sou maluco, vi perfeitamente. Eu até fiz uma brincadeira, falei: "Ivan, este smoking de teu pai caiu muito bem, muito bem."

- Isso foi a foto do Ivan na festa do Ibrahim. Você viu a foto do Ivan de smoking.

- A foto? Bem, certo, mas o fato é que eu vi o Ivan de smoking, eu lembro de tudo perfeitamente. Nós entramos, abraçamos o Neville e aí batemos um papo com a Tônia Carrero, gostei muito dela.

- É, este foi um problema. A Tônia Carrero não estava lá.

- Como não estava? É claro que estava!

- Não. Estava uma senhora lá que você ficou chamando o tempo todo de "Tônia, mas veja você, Tônia, mas ora, Tônia". Ela tentou avisar algumas vezes, mas você só dizia "querida Tônia, mas que mot d'esprit, que boutade, ha-ha-ha!"

- Não era a Tônia? Mas era a cara!

- Espero que a Tônia nunca saiba desta sua opinião. De qualquer forma, isso não teve importância, porque você elogiou muito a senhora, ela deve ter ficado satisfeita. Aliás, você elogiou todo mundo.

- Elogiei? Ah, elogiei? Bem, ótimo que eu elogiei, quer dizer que não tem vexame para lembrar.

- Nada, vexame nenhum. É bem verdade que você fez alguns elogios agressivos, mas todo mundo já deve conhecer a sua exuberância. Quer dizer, não sei se o Renato Machado ficou muito feliz, não tenho certeza.

- O Renato Machado? O que é que eu fiz com o Renato Machado? Eu não elogiei?

- Aos murros. Você fazia um elogio - "aí, Renatão!" - e dava um murrozinho afetuoso nele. Acho que deve ter dado uns seis ou sete; você estava muito entusiasmado com ele. "Que pronúncia, que pronúncia!", dizia você. Até que ele se sentou e alegou nocaute e aí você parou.

- Mas é interessante, eu tenho a recordação completa de que sentamos direitinho, junto com o Ivan, a Dora e o Paulo César Saraceni e a Ana Maria, foi ou não foi?

- Mais ou menos. O Paulo César e a Ana Maria já estavam lá, ficaram sentados defronte da gente.

- Então? Lembro de tudo!

- E você ficava piscando o olho e jogando beijinhos para ela.

- Mentira! Na cara do Paulo César? Mentira! O Paulo César é meu amigo, eu jamais faria uma coisa dessas! Você quer solapar o meu relacionamento com os amigos! Mentira! Eu não faço essas coisas com ninguém, quanto mais com as mulheres de meus amigos!

- Mas é só isso que você faz. Agora, elas não ligam, eles também não. Afinal, quem é que vai ligar para um amigo que fica piscando um olho como se estivesse tendo um espasmo muscular, jogando beijinhos bicudos e escondendo a cara atrás do balde de gelo?

- Atrás do balde de gelo?

- Pois é, tenho a impressão de que você achava que assim disfarçava. Juntou gente em torno da mesa, para ver você disfarçando. Você se curvava todo, chamava "Aniiinha!", piscava o olho e mergulhava a cara atrás do balde ligeirinho.

- Que horror!

- Horror nada, foi tudo muito divertido, um sucesso. Tanto assim que você só parou quando chegou o Daniel Filho.

- O Daniel? Não! Eu chorei outra vez?

- Não, vocês dançaram.

- Nós dançamos?

- Dançaram e cantaram. Cantaram uma musiquinha em inglês que dizia "wake up, wake up!" e que vocês achavam engraçadíssima, embolavam de rir. Até que houve o incidente com o pessoal da casa, na hora em que você exigiu que evacuassem a pista para que o Daniel pudesse dar uma demonstração do passo Tom Mix.

- O passo Tom Mix?

- Sim, é um passo que ele dá sacando dois revólveres e rodopiando. É até interessante. Mas o pessoal não quis atender ao seu pedido, apesar de você gritar "jogo-lhe a Rede Globo em cima, canalha!". De qualquer forma, você conseguiu que o Daniel fizesse o passo no andar de cima e ainda imitasse Michael Jackson e Ney Matogrosso. A de Michael Jackson é até bastante boa, a do Ney...

- Disso eu me lembro, fiquei ali conversando com a Márcia enquanto ele dançava.

- Conversando não, ficou dizendo "Marcinha, você sabe que eu imito Ney Matogrosso muito melhor do que esse cara aí com quem você vive saindo e sou melhor diretor de televisão que ele e tenho um telão maior do que ele e..."

- Ele se aborreceu?

- Claro que não, inclusive ele sabe que você não imita lhufas e não tem telão nenhum.

- Nem sou diretor de tevê.

- Ah, isso não sei. Não foi isso o que você falou à Danuza Leão. Você disse a ela que estava realizando um especial sobre ela de duas horas e depois gritou: "Quero arrojar-me a teus pés!"

- E me arrojei?

- Quase. Ivan segurou você e a Danuza deu uns passinhos rápidos para trás, não houve maiores problemas e já estávamos mesmo na saída.

- Nunca mais eu saio, nunca mais boto os pés fora de casa, nunca mais entro num bar, nunca mais!

- Sim, querido. Mas não sei por quê. Todo mundo acha você o rei da noite, querido.

-----

Trecho do livro O Rei da Noite. Joao Ubaldo Ribeiro.

PARA MEU AMIGO SECRETO GLAUBER





A VIDA É UMA VITRINA...
. .
.
A Vida é uma vitrina de tecidos.
A gente, por instantes,
fica de olhos perdidos
na beleza das telas deslumbrantes.
Depois, entra na loja e vai comprar.
Caixeirinha gentil, a Ilusão
vem vender ao balcão
e não se cansa de mostrar,
não se cansa
de exibir delicados,
rendilhados,
leves panos de Sonho e de Esperança.
As mãos tocam de leve
na leveza das telas.
Não vá o gesto, por mais breve,
esgarçar uma delas!
Todas tão lindas! Mas a que fascina
não está ali na grande confusão
das peças espalhadas no balcão.
E a gente diz,
num ar feliz:
"Levo daquela rósea, muito fina,
exposta na vitrina."
Logo o Destino vem (da loja é o dono)
e fala sobranceiro, com entono: "É artigo raro.
Marca, padrão e cor: - Felicidade.
É um artigo de alta qualidade
o mais caro
de todos os tecidos.
São cortes especiais...e estão vendidos!"

........................................
...........................

PARA MEU AMIGO SECRETO GATO FELIX



terça-feira, 9 de dezembro de 2008

PARA MEU AMIGO SECRETO DARKNESS

PARA MEU AMIGO SECRETO GATO FELIX





A IMPORTÂNCIA DA AMIZADE


A importância da amizade é sentida quando a desdita
por um motivo qualquer nos visita quando Deus quer.
A importância da amizade deveria ser notada
nos momento alegres quando não precisamos de nada.
A importância da amizade tem de ser julgada
pelo respeito com que a própria é tratada.
Se você é realmente amigo, tenha o amigo a seu lado,
mesmo que ele esteja ausente lembre-se dele e se faça presente.
De um telefonema. Mande um recado.
Uma simples frase que o deixe emocionado
Não se esqueças de dizer obrigado
pelo carinho dele, pela presença,
pelo cartão cheio de emoção,
pela oração e pelo cuidado.
Amigo é para ser guardado, lembrado
e instalado dentro do coração.
Protegido dos ventos pelo amigo do peito,
pois é ele quem tem direito de dar proteção.

Malva Barros


PARA O AMIGO SECRETO ESPECIAL GATO FELIX

PARA MEU AMIGO SECRETO QUIMAS




Felicidad


Un día, los "Dioses del Mundo" se reunieron y decidieron crear un hombre y una mujer.
Planearon crearlos a su imagen y semejanza.
Entonces, uno de ellos dijo: Esperen! Si vamos a crearlos nuestra imagen y semejanza, tendrán un cuerpo igual al nuestro, fuerza e inteligencia igual a la nuestra!
Debemos pensar en algo que los diferencie de nosotros, sino estariamos creando nuevos dioses.
Debemos hacerles algo, pero que podríamos hacerles?
Después de mucho pensar, llegaron a la conclusión que deberían crearles FELICIDAD, pero el problema era donde esconderla para que nunca la encontrasen.
Entonces los dioses comenzaron a discutir...
Vamos a esconderla en la montaña mas alta de la Tierra!
No, te acuerdas que les dimos fuerzas a ellos? Alguien conseguiría subir hasta la cima de esta montaña y sabrán donde ella está.
Entonces vamos a esconderla en el fondo del mar!
También no seria un buen lugar, pues les dimos inteligencia y alguien, sin duda, va crear alguna máquina los hará sumergirse y encontrarla.
Quien sabe, podemos esconderla en un planeta bien distante!
Tampoco sería eficaz, pues les dimos la curiosidad y la ambición por tanto, querrán traspasar los limites y luego crearan algo para volar por el espacio y la encontrarán.
Después de discutir mucho y no llegar a ningún acuerdo, el único Dios que no había hablado, pidió la palabra y dijo:
Creo que se donde podemos colocar la FELICIDAD en un lugar que ellos nunca descubrirán!
Todos quedaron impactados y le preguntaron...
Entonces diganos, donde??
Y el respondió:
Colocaremos la FELICIDAD dentro de ellos, pues estarán tan preocupados buscando afuera, que nunca la descubrirán.
Todos quedaron de acuerdo y desde entonces ha sido así...
EL HOMBRE PASA TODA SU VIDA BUSCANDO LA FELICIDAD SIN SABER QUE LA TRAE CONSIGO.

PARA MINHA AMIGA SECRETA MARIANA

PARA MEU AMIGO SECRETO THIERS




Há muitas coisas, pequenas, simples, como uma canção que a gente gosta, que significa algo em nossas vidas.

Assim também as amizades, essas que a gente vai construindo no decorrer de nossas vidas.

Somos uma tribo e aos poucos vamos nos juntando na busca de sonhos maiores.

Que o ano próximo seja repleto de ótimas surpresas.

Que a luz e a paz sejam uma constante em todos os seus dias.


Abraço grande.



segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

PARA MEU AMIGO SECRETO GLAUBER VIEIRA





SONHO DE LIBERDADE



De você Anjo meu

Quanta saudade eu sinto.

Estar longe de você

É um sofrimento contido.

Quando conseguirei me libertar

Para de um mundo novo poder desfrutar.

Colher flores do campo

E um buquê lindo poder te ofertar,

Depois cheio de amor

Em teus braços macios colocar.

Oh! Amada minha

Como é bom poder sonhar

Pois os sonhos trazem alegria,

Porque só eles realizam

O que na realidade não podemos realizar.

O que seria de nós?

O que seria de nossa paixão contida?

O que seria do nosso amor?

Se não pudéssemos sonhar!





Autor – GUERREIRO DA LUZ pro meu amigo secreto

PARA MEU AMIGO SECRETO QUIMAS

domingo, 7 de dezembro de 2008

PARA MEU AMIGO SECRETO GLAUBER





INOCÊNCIA
“Que jamais percamos a inocência
da alma
que é o que nos faz acreditar
no melhor da vida!
que os “Não“ e os “TALVEZ“ não nos enfraqueçam
mas nos dêem forças para continuar
Porque ser feliz é tão simples
e ao mesmo tempo tão complicado....
de uns exige muito
de outros, muito pouco....
que sejamos como uma criança
que para ser feliz pede carinho
um abrigo, um brinquedo....
e não finge, nem mascara
apenas é o que é....
muitas coisas podem acontecer
em nossa vida
mas o segredo de viver
é colher as flores do caminho
desviar das pedras
e não ter vergonha de tropeçar e cair
mas um grande orgulho de poder se levantar
Por sí mesmo
com a inocência de uma criança
que dá seus primeiros passos“...
.
.

PARA MINHA AMIGA SECRETA DORITA





Especialmente nas sombras


oculto pela não identidade


mostramos apenas o que somos


com nossa maior sinceridade.




E sempre que assim agimos


ruim ou bom, somos o nós


o único ser que contas


em máscaras, outros ós.





Por assim ser este evento


revelamos como somos


como nos vemos... parecemos...


ou apenas assim


queremos...





Ainda que falhos... viciados


fazemos eco ao maior querer


que se traduz em gentilidades


que amenizam o cotidiano viver...





Se não apenas por gentileza


que seja por afinidade


o desejo de que a ventura


acompanhe seus passos pela eternidade...





Um bom momento em sua vida


que seja infinito e grandioso


que seja auspicio de verdade


tornando-a um espírito vitorioso...


.

.